Autor: Vanessa Brandão

Fuja do limbo da banalidade e adentre o universo indígena

A mea culpa está em alta, então venho aqui fazer a minha, já que estamos no Abril indígena, mês em que se comemora os 16 anos de homologação da Terra Indígena Raposa Serra do Sol. Nem sempre eu estive apoiando as causas indígena, por pura imaturidade, falta de informação, por simplesmente repetir discursos prontos e não ouvir o outro lado, o lado do indígena roraimense. Por pura ignorância mesmo, deixando de lado os eufemismos. Mas o que comecei a desmistificar há 10 anos, durante as aulas da minha primeira especialização com o professor Devair Fiorotti (in memorian), ainda vejo ser tristemente repetido hoje, mesmo com tanto acesso à informação.  

Read More

Sobre proteger nossas crianças dos lobos em pele de cordeiro

Essa madrugada acordei pensando em algo que vinha evitando entender, me aprofundar, tamanha dor que me provoca. O caso do menino Henry desafia meu entendimento, detona minha fé na humanidade, deixa meu coração de mãe em frangalhos. Mais ainda por me fazer imaginar quantas crianças nesse mundão podem estar passando pela mesma situação de violência, dor, desespero. Pobres, ricas, aqui e lá. Crianças não deveriam sofrer, mas sofrem. É responsabilidade de todos mitigar a aflição dos pequenos. Está na lei esta responsabilidade coletiva. Mais do que isso, é nossa única chance de construir um futuro menos violento para a...

Read More

O mercado não pode calar o importante diálogo entre nosso corpo físico e o espiritual

Eu perdi o medo de envelhecer. Saiu de minhas costas o piano da beleza. Joguei fora a caderneta de capa preta e branca onde anotava meu peso e medidas desde 1º de janeiro de 2012. O ritual era sempre o mesmo: acordar, espreguiçar e antes de ir tomar banho ou colocar uma roupa para tomar café eu me olhava no espelho, narcisicamente. Depois me pesava e todo início de mês tirava medidas. Em 2012 eu tinha 29 anos, acabara de me casar e não percebia ainda as mudanças metabólicas naturais da idade, queria como quase toda mulher perder sempre...

Read More

Perrengues, alegrias, neve intensa e + na vida de três macuxis no leste Europeu

Retornamos à Polônia no dia 29 de janeiro de 2021 e só agora consegui escrever sobre nosso retorno ao velho continente, depois de uma temporada de cinco meses no Brasil. Feliz por não esbarrar na Covid-19 depois de passar por quatro aeroportos, também respiro aliviada por encontrar um novo apartamento, ter conseguido controlar uma crise de rosácea daquelas de chorar, arrancado o primeiro dente do Luigi e ter sido aprovada no doutorado de Estudos Literários pela Unesp (Vivaaa!), tudo na mesma semana. Pegamos o último voo do Brasil para a Europa, antes de mais um fechamento por conta da...

Read More


Vanessa Brandão

Jornalista , mestre em Letras.

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES